Reabertura dos Jardins de Infância

Reabertura da Educação Pré-escolar a 1 de junho de 2020

Com a reabertura da educação pré-escolar, educadores de infância, direção, pessoal não docente, encarregados de educação e toda a comunidade educativa, terão um papel essencial no sentido de garantir as condições necessárias para que as crianças possam frequenta o Jardim de Infância com o máximo de segurança.

Assim, tendo em conta as orientações da Direção-Geral da Saúde (DGS) e de gestão, do Agrupamento, estabelecem-se as seguintes diretrizes para a organização do bom funcionamento de cada Jardim de Infância:

  • Só poderão ter acesso ao interior do estabelecimento as crianças que responderam afirmativamente ao questionário, a educadora, as assistentes operacionais e técnicas a exercer funções e o pessoal da cozinha/refeitório, sendo que para os adultos é obrigatório o uso de máscara, aplicando-se a todos os procedimentos de desinfeção recomendados pela DGS. Todas as pessoas externas (por exemplo, fornecedores de alimentos e pessoal da autarquia) só excecionalmente poderão entrar nas instalações, carecendo de autorização prévia da direção (justificação do serviço que irão prestar), usando máscaras e evitando o contacto com as crianças.

Nota: as crianças não usam máscara.

  • As crianças, bem como o pessoal docente e não docente, com sinais ou sintomas sugestivos de COVID-19 não devem apresentar-se no estabelecimento de educação pré-escolar, assim como, com febre ou qualquer tipo de doença. Quem tiver sintomas deve contactar a Linha SNS24 (808242424).
  • As crianças terão que trazer umas sapatilhas ou calçado prático para trocar ao entrar no edifício e o mesmo fica no Jardim de Infância até ao final do ano, sendo higienizado pela assistente, todos os dias após a criança sair.
  • As crianças não podem trazer brinquedos nem objetos de casa, a não ser uma saca com o lanche da manhã. Em casos necessários de uma muda de roupa para troca, terá que ser entregue num saco plástico fechado.
  • Antes de sair de casa a criança deve lavar bem as mãos.
  • As crianças devem ser entregues no portão da escola e serão recebidas por uma assistente, destacada para o efeito, evitando assim a circulação de pessoas externas no interior do recinto.
  • O encarregado de educação que queira transmitir qualquer informação relevante deverá fazê-lo através do telefone da escola ou e-mail da educadora.
  • Perante a identificação de um caso suspeito, encaminha-se para a sala de isolamento e cumpre-se todos os procedimentos das precauções básicas definidas no Plano de Contingência. No caso de ser uma criança, o encarregado de educação será de imediato contactado.
  • Neste contexto, cada Jardim de Infância, para além das orientações descritas, terá regras devidamente identificadas e específicas, de forma a garantir as medidas preventivas recomendadas e apoiar os profissionais e as famílias.

Apelamos à  compreensão e cumprimento destas orientações, de forma a assegurar a proteção de todos os intervenientes.

Informação 11 – reabertura do Pré-escolar

Fonte da Imagem: Jornal Público

Carlos Gomes de Sá

Author Carlos Gomes de Sá

More posts by Carlos Gomes de Sá

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Help-Desk