A cidade do Pi ( π )

Hoje, 14 de março, comemora-se o Dia do Pi ( π ), que foi proclamado pela UNESCO, em novembro de 2019, como Dia Internacional da Matemática.

Para celebrar esta data os alunos da escola básica de Aver-o-Mar construíram “A cidade do PI”, onde cada prédio corresponde a um dígito que aparece na dízima infinita não periódica que representa o número irracional π. Nesta cidade aparecem os primeiros 612 dígitos do número PI.

A Cidade do π

O que acontece na cidade do π? Para ser bastante sincera, muitas coisas acontecem aqui, coisas um tanto ou quanto estranhas.

Desde π a.C. que a minha família vive nesta cidade, e posso afirmar que este lugar tem muita história. Além de ser uma cidade histórica, somos os donos de dois recordes universais muito importantes para nós: cidade com mais prédios do universo e os prédios mais charmosos e criativos que alguma vez já existiram. Relativamente ao primeiro, eu não sei se é motivo de orgulho ou de tristeza, uma vez que, quando quero ir a algum lugar, mesmo vivendo aqui há algum tempo, perco-me facilmente entre as ruas da cidade. O segundo recorde é, com certeza, um grande orgulho para nós, porque mostra ao mundo que, além de sermos bons matemáticos, somos bons arquitetos.

Tudo que acontece aqui é único! Nas reuniões da cidade, cantamos a música do π, “o que seria a música do π?” De forma melódica, cada representante de um prédio diz um algarismo do π. Também as crianças brincam de “corra até à loja do Senhor Arquimedes”, que é exatamente o que a letra diz! O problema é que dependendo de onde a brincadeira começa, as crianças podem ter que correr uma maratona! Mas elas gostam muito desse jogo já que o primeiro que chegue lá, o Senhor Arquimedes dá um “vale William Jones” e, com isso, podem comprar qualquer coisa na sua loja durante 3,141592… horas.

A nossa cidade pode até não ser comum, mas é extraordinária e tenho uma imensa alegria de dizer que sou daqui, da cidade PIvô da matemática.

A Cidade do PI

Mariana Oliveira, 9ºD, Nº12

Carlos Gomes de Sá

Author Carlos Gomes de Sá

More posts by Carlos Gomes de Sá

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Help-Desk